WebRadio

Central de Mídia

Vaso de bênção


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1733 – 29 de setembro de 2018

“Desci à casa do oleiro, e eis que ele estava entregue à sua obra sobre as rodas. Como o vaso que o oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão, tornou a fazer dele outro vaso, segundo bem lhe pareceu” (Jeremias 18:3, 4).

O profeta Jeremias, em obediência à instrução de Deus, foi à casa do oleiro e o encontrou trabalhando com as rodas de modelar barro – duas rodas ligadas por um eixo, uma embaixo, acionada pelos pés, e outra em cima, sobre a qual é colocado o barro a ser trabalhado.

O oleiro estava modelando um vaso. Em suas mãos, o vaso ainda não estava pronto. Mas em sua mente, o oleiro podia ver o vaso pronto para ser usado. Então houve um problema: o barro resistiu à modelagem, apresentou rachaduras, e se quebrou.

O que fez o oleiro, então? Jogou fora o vaso quebrado? Não. Aproveitou aquele mesmo material, fez dele uma massa informe e recomeçou sua tarefa, fazendo um novo vaso.

Essa experiência contém uma grande lição espiritual: Quando resistimos ao propósito original que Deus tem para nós, e nos rebentamos, Ele pode nos recriar, nos fazer de novo. Mas é importante observar que Ele faz de nós um “outro vaso”, não o mesmo.

Deus percebe que, em virtude de nossa resistência, Ele não poderá fazer de nós o vaso que tinha em mente. Então muda Seu plano e parte para a segunda alternativa: fazer de nós outro vaso.

Mas, vamos supor que o segundo vaso também se quebre. O oleiro desmancha tudo outra vez e começa de novo. E assim sucessivamente. Enquanto isso, o barro vai ficando cada vez menos moldável, até que não possa mais ser aproveitado. E daí, o que acontece? É só olhar para o quintal da casa do oleiro. Ali está um montão de vasos quebrados, cujo barro resistiu a todas as tentativas de moldagem.

Esta é a história de muitas pessoas. Resistem, resistem, até que o divino Oleiro nada mais pode fazer com elas. Se rejeitarmos a prioridade divina para nossa vida, Deus não nos abandona. Ele nos apresenta Seu segundo plano. Se também não aceitarmos este, Ele apresenta o terceiro, o quarto, até esgotarmos as alternativas divinas.

Deus procura a cada dia, a cada momento, através do Seu Santo Espírito, quebrar a nossa resistência ao Seu melhor plano para a nossa vida. E esse plano é o de nos preparar “para a satisfação do serviço neste mundo, e para aquela alegria mais elevada por um mais dilatado serviço no mundo vindouro” (Educação, p. 13). Se aceitarmos o plano nº 1 de Deus, colheremos também o melhor das Suas bênçãos.


-> Narração: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:
-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).
-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube.Com/AmiltonMenezes7
-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 99893 2056 e mande um recadinho pedindo os áudios.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook