WebRadio

Central de Mídia

Vasilhas vazias


Gostou? Compartilhe!

10-paisagem

TEMPO DE REFLETIR 679 – 10 de novembro de 2015

“Quando todas as vasilhas estavam cheias, ela disse a um dos filhos: ‘Traga-me mais uma’. Mas ele respondeu: ‘Já acabaram’. Então o azeite parou de correr” (2 Reis 4:6).

Essa é uma bonita história de como Deus Se satisfaz preenchendo o vazio e suprindo nossas necessidades. É a história da mãe de dois filhos adolescentes que tinha perdido o esposo. Tudo o que ela possuía eram dívidas (problema de muitos hoje) e uma vasilha de azeite. Havia estourado o limite do cheque especial. O cartão de crédito que fora do esposo estava bloqueado e o credor tinha esgotado a paciência. Por isso, os filhos seriam vendidos para que a dívida fosse paga.

Ela se dirigiu ao homem de Deus, que depois de escutá-la disse: “Junte todas as vasilhas que você tem em casa. Todos os jogos de tupperware, vasilhas grandes e pequenas. Peça também às suas vizinhas vasilhas emprestadas. Muitas.”

No Oriente Médio, como os judeus não usavam gordura animal, o azeite de oliva era uma necessidade. Era usado não somente para preparar o alimento, mas também para acender lâmpadas, para ungir, curar, combater a ferrugem, em cosméticos, para tornar o couro mais flexível, etc. Tinha muito mais valor comercial do que tem hoje em dia. Com a venda daquele azeite, sem dúvida, a situação da mulher iria melhorar.

E ela foi. Começou pedindo às vizinhas vasilhas grandes e pequenas; redondas ou de qualquer outro formato; artesanalmente pintadas ou sem acabamento. Todas com uma característica em comum: vazias.

Estar vazio significa ter percepção de suas necessidades. Quem sabe você se sente desmotivado pelo trabalho que antes era atraente; porém, agora é entediante. Sente que alguma coisa está faltando em sua vida. Sente que seus recursos interiores estão esgotados, exauridos, zerados. Reconheçamos ou não, nossa grande necessidade é de Jesus. Sem a presença dEle, nossas redes estarão vazias, os pães e os peixes não se multiplicarão, a sede não desaparecerá e as talhas de vinho permanecerão vazias.

Que vazio você quer levar hoje para Jesus? A riqueza de Sua graça vai suprir todas as nossas necessidades. Você pode levar-Lhe suas vasilhas vazias, as redes sem peixes, as talhas sem vinho, e tornar este o dia da grande pesca, do cântaro transbordante e do azeite que não acaba. A promessa é: “O meu Deus suprirá todas as necessidades de vocês, de acordo com as Suas gloriosas riquezas em Cristo Jesus” (Fp 4:19).


Ficha Técnica:

-> Texto: José Maria Barbosa Silva
-> Música: Montano de Barros, “Preciosa graça”
-> Locução e edição: Amilton Menezes
-> Finalização: Isa Vasconcelos

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook