WebRadio Maranatha

Refletindo a mente de Jesus


Gostou? Compartilhe!

18-paisagem

TEMPO DE REFLETIR 352 – 18 de dezembro de 2014

“Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus” (Filipenses 2:5).

Numa época anterior aos contratos pré-nupciais, lembro-me de ter lido acerca de uma jovem que morava em Chicago. Num dia, ela não podia comprar nada que valesse um dólar, mas no dia seguinte pôde comprar o que bem entendesse, mesmo que valesse mil dólares. O que fez a diferença? Ela se casara com um homem rico. A moça se havia apaixonado pelo rapaz e tudo o que ele tinha se tornou dela. Ela estava envolvida em parte da vida dele.

A crença em Jesus inclui envolvimento. Significa aceitar-Lhe a Palavra com obediência inquestionável. Se Jesus diz: “Este é o caminho, andai por ele” (Is 30:21), então esse é o caminho pelo qual devo andar, sem discussão, sem coração dividido seguindo-O à distância. Se Ele ordena: “Amai os vossos inimigos” (Mt 5:44), uma atitude assim deve tornar-se  parte natural da minha vida. Ou se Ele anuncia: “Voltarei outra vez” (Jo 14:3), então devo direcionar minha vida toda a viver como se eu acreditasse de forma plena que Seu retorno é iminente.

Paulo nos instrui: “Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus”. Preciso envolver-me tanto com Jesus que minha mente se confunda com a dEle. Como resultado, devo pensar como Ele pensa, crer como Ele crê. Sua fé deve ser a minha fé, Suas normas as minhas normas. Jesus acreditava sinceramente nas Escrituras como a Palavra de Deus. Ele não buscava exceções ou condições. Cristo acreditava na ressurreição dos mortos, em Seu próprio retorno visível e literal, em dar dízimos e ofertas.
Jesus praticava a lei da bondade, perdoando pessoas pecadoras. Quando levaram a mulher apanhada em adultério perante Jesus e a condenaram a morrer apedrejada, Jesus a conquistou para Si pela simples força de Seu perdão compassivo.

Mesmo quando pregado à cruz, Jesus livremente perdoou a Seus perseguidores e bradou: “Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem” (Lc 23:34). E aqui está a boa notícia: Jesus estende esse mesmo perdão a você e a mim, e a todos quantos aceitarem o convite para pensar como Ele pensa, amar como Ele ama e perdoar como Ele perdoa. Sua vida revela hoje que o sentimento de Jesus está em você?

****************************************************************************************************************************************
-> Texto: H.M.S. Richards Jr.
-> Música: Fernando Iglesias, “Perdão por fugir”
-> Narração: Amilton Menezes

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook

WebRadio Maranatha