WebRadio

Central de Mídia

Quem procura por quem


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 2003 – 26 de junho de 2019

Apocalipse 3:20: “Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a Minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo.

Há na instrução de Jesus para buscá-Lo, algo que jamais devemos esquecer: O fato de que Ele Se deu porque esteve sempre procurando por nós. Esse foi o propósito da Sua encarnação. Ele veio “buscar e salvar o perdido” (Luc. 19:10). Como Deus procurou por Adão, afligido pelo fardo do pecado, no Éden, assim Jesus vem à nossa procura. Ele continua a buscar-nos e permanece à porta do nosso coração, querendo entrar. A grande pergunta é: Permitiremos que Ele entre?

A condição na qual nos aproximamos de Cristo e permitimos que entre em nós não é nosso mérito, mas nossa perdição. É nossa necessidade de ser limpo e purificado de toda iniquidade que nos leva a reagir favoravelmente à Sua iniciativa, que nos leva a pedir, a buscar e a bater pelo perdão de Deus.

A recomendação é para pedirmos, e nos será dado. Ellen White escreveu que “se a Ele vos chegais com sincera contrição, não tendes que pensar ser presunção de vossa parte o pedir aquilo que o Senhor prometeu. Quando pedis as bênçãos de que necessitais a fim de aperfeiçoar um caráter segundo a imagem de Cristo, o Senhor vos garante que pedis em harmonia com uma promessa que se cumprirá. O fato de vos reconhecerdes pecador, é base suficiente para implorardes Sua compaixão e misericórdia” (O Maior Discurso de Cristo, p. 130 e 131).

Buscar e bater significam que continuamos a pedir. Vimos no estudo da quarta bem-aventurança que nossa fome e sede de justiça não é um ato isolado no passado. Ao contrário, o cristão percebe continuamente as suas faltas e sente constante fome e sede daquela justiça que somente Deus pode conceder. O pedir, o buscar e o bater correspondem a essa fome e sede contínuas. Deus está constantemente respondendo à oração da fé e concedendo-nos aquilo que pedimos. É ilimitado o Seu suprimento de graça.

Reflita sobre isso no dia de hoje e ore comigo agora:

Senhor, ajuda-me a aprender a buscar as coisas mais importantes. Ajuda-me a ansiar por Tua graça. Por favor. Em nome de Jesus, amém!


-> Narração: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:
-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).
-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube.Com/AmiltonMenezes7
-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 99507 0705 e mande um recadinho pedindo os áudios.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook