WebRadio

Central de Mídia - WebRádio Maranatha

Pegue-a pela cauda!


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1408 – 8 de novembro de 2017

“Mas o Senhor lhe disse: “Estenda a mão e pegue-a pela cauda”. Moisés es- tendeu a mão, pegou a serpente e esta se transformou numa vara em sua mão” (Êxodo 4:4, NVI).

Nascido escravo, condenado à morte antes de nascer, Moisés foi salvo por uma mãe amorosa que ousou desobedecer ao decreto de morte do cruel rei do Egito. Ela colocou seu bebê num barquinho escondido entre os papiros às margens do Nilo. Uma princesa descobriu-o e o adotou como filho. Deu-lhe a soberba educação de um príncipe real. Evidentemente, ele estava destinado ao trono. Mas, aos 40 anos, fugiu ao deserto do Sinai a fim de salvar a vida e lá pastoreou ovelhas por 40 anos, enquanto Israel suportava a servidão como escravo do Egito. Então, com 80 anos, quando já estava em idade de aposentar-se, Deus o chamou para começar 40 anos de serviço que mudaram toda a História.

Junto à sarça ardente, Deus o instruiu a retornar para o Egito e exigir a liberdade de Israel. Moisés não se recusou, mas ficou com medo. Sugeriu a Deus: “A menos que eu dê aos egípcios e a Israel prova por obras extraordinárias, bem como palavras, não crerão que Tu me enviaste”. Assim, o Senhor ordenou que Moisés lançasse ao chão a vara que ele segurava. Ele o fez, e a vara tornou-se uma serpente. Então o Senhor disse: “Pegue-a pela cauda”. Quando Moisés a pegou, transformou-se numa vara outra vez. A serpente, uma ameaça à sua própria vida, tornou-se um instrumento de libertação enquanto ele enfrentava o poderoso Faraó.

O que deu a Moisés tanta coragem? “Pela fé Moisés” voltou as costas ao trono e escolheu livrar seu povo Israel, considerando “o opróbrio de Cristo por maiores riquezas do que os tesouros do Egito, porque contemplava o galardão” (Hb 11:24-26). Moisés sabia das dificuldades que enfrentaria, mas sua fé no Messias vindouro levou-o a estender a mão e pegar a serpente pela cauda. Seja qual for a oposição, por mais feroz e ameaçadora que seja a prova, que pela graça de Deus nós também a peguemos pela cauda.


-> Música: Faces, “No mais alto lugar”
-> Locução: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:

-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).

-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube.Com/AmiltonMenezes7

-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande um recadinho pedindo os áudios.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook