WebRadio

Central de Mídia

Orando na Palavra de Deus


Gostou? Compartilhe!

08-paisagem

TEMPO DE REFLETIR 616 – 8 de setembro de 2015

“Assim como a chuva e a neve descem dos céus e não voltam para eles sem regarem a terra e fazeram-na brotar e florescer, […] assim também ocorre com a palavra que sai da minha boca: ela não voltará para mim vazia, mas fará o que desejo e atingirá o propósito para o qual a enviei” (Isaías 55:10-11).

Às vezes ficamos desanimados quando oramos e não obtemos resposta. Podemos até imaginar se Deus nos ouve. Isaías 55, porém, promete que a Palavra de Deus, como a chuva e a neve, faz o que deve fazer onde quer que seja.

A Palavra de Deus “é viva e eficaz, e mais afiada que qualquer espada de dois gumes; ela penetra até o ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e julga os pensamentos e intenções do coração” (Hb 4:12). Paulo refere-se à Palavra de Deus como parte da armadura de todo cristão e afirma que devemos usar “a espada do Espírito, que é a palavra de Deus” (Ef 6:17). Em resumo, a Palavra penetra em tudo o que toca. Ela é sempre eficaz.

Por isso é importante que você não apenas ore, como leia diariamente a Bíblia. Sublinhe o que lhe chamar a atenção, então ore a Deus com suas palavras. Quando não souber sobre o que orar, procure um salmo e leia em voz alta. Ao orar com suas palavras, você toca o poder de Deus e empunha Sua espada.

A batalha por nossa vida, por nossos filhos, marido, esposa, amigos ou família é travada de joelhos. Quando não oramos, é como se ficássemos sentados observando os que amamos andarem por uma zona de guerra. No entanto, quando de fato oramos, estamos na batalha ao lado deles, apropriando-nos do poder de Deus para favorece-los.

Ore comigo: “Pai, eu Te agradeço porque Tua Palavra sempre realiza o propósito para o qual Tua  enviaste. Ajuda-me a incluir Tua Palavra nas minhas orações de modo que elas se tornem uma poderosa arma contra a qual o inimigo não pode prevalecer. Em nome de Jesus, amém!


Ficha Técnica:

-> Texto: Stormie Omartian
-> Música: Rafaela Pinho, “De joelhos”
-> Locução e edição: Amilton Menezes
-> Finalização: Isa Vasconcelos

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook