WebRadio

Central de Mídia

O veredicto da graça


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1239 – 23 de maio de 2017

“Mas você não tem sido como o Meu servo Davi, que obedecia aos Meus mandamentos e Me seguia de todo o coração, fazendo apenas o que Eu aprovo” (1 Reis 14:8).

Quando compreendi o texto de hoje, eu disse: “Não é possível. Deve ser algum engano. Conheço a história de Davi. Esse homem cobiçou, adulterou, mandou matar e mentiu. Como é que o texto diz que ele guardou todos os mandamentos? E acrescenta: ‘fazendo apenas o que Eu aprovo’?”

Conhecendo tudo o que você conhece sobre Davi, se fosse escrever a biografia dele, colocaria esse texto ali? A palavra mais intrigante desse texto é “apenas”. O texto diz que Deus declarou Davi “não culpado”. Somente Ele em Seu poder e soberania poderia dizer isso. Esse veredito de Deus sobre Davi nos leva ao grande juízo final.

Queiramos ou não, inquietemo-nos e incomodemo-nos ou não, vamos comparecer diante do Rei do Universo. Só esse pensamento nos faz estremecer. Vamos ter que encarar o registro de nossa vida, “até tudo o que está encoberto, quer seja bom quer seja mau”.

Imagine a cena. Meu nome vai ser chamado: “Amilton Menezes”. Eu me apresento. Deus pede que tragam os registros, sejam eles em livros ou “computadores”. Minha vida vai passar audiovisualmente diante de todos. Um sentimento de vergonha toma conta de mim. Mas, para minha surpresa, o que é apresentado é apenas o bem, que, pela graça de Deus, eu pude fazer. O que aconteceu, então, com os meus pecados, que não apareceram? Jesus, como meu substituto, Se apresenta e diz: “Os pecados de Amilton Menezes são Meus. Eu os tomei na cruz.” Que pensamento maravilhoso! Um veredito cheio da graça. Sem merecer, sou declarado inocente. Alguém pagou minha culpa. Estou livre! Sou tratado como se nunca tivesse errado.

Os pecados já não são lembrados, porque depois do arrependimento e confissão, foram completamente perdoados. Todos foram colocados sobre Jesus, que Se converteu no substituto e garantia do pecador. E o Senhor, por Sua vez, coloca a obediência de Seu Filho na conta do pecador. Que pensamento maravilhoso para encher de paz nosso coração neste dia!


-> Música: Tatiana Costa, “Preciosa graça”
-> Locução: Amilton Menezes

Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande uma mensagem pedindo os áudios. Se você tem Telegram, adicione nosso canal: telegram.me/tempoderefletir – Prefira, porém, o aplicativo MANAH, onde você terá todos os áudios à disposição.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook