WebRadio

Central de Mídia

Na contramão do mundo


Gostou? Compartilhe!

31-contramao

TEMPO DE REFLETIR 212 – 31 de julho de 2014

“Ora, sabemos que O temos conhecido por isto: se guardamos os Seus mandamentos. Aquele que diz: EU O conheço e não guarda os Seus mandamentos é mentiroso, e nele não está a verdade” (1 Jo 2:3-4).

Ser cristão é, em certo sentido, ser uma pessoa sem uma pátria nesta terra. Se você verdadeiramente for obediente a Cristo – se tomar as Escrituras no coração e tentar vive-las – você, inevitavelmente, entrará em conflito com o mundo. Você não pertence a ninguém além de Cristo, enquanto os que estão no mundo se dão às pessoas, bens, instituições e ídolos em vez de se entregarem a Cristo. Ser cristão é estar separado e, contudo, permanecer junto – é ousar ser diferente. Você olha para tudo através do prisma das Escrituras, e as coisas parecem diferentes quando vistas a partir do ponto de vista bíblico.

O sucesso do mundo significa poder, influência, dinheiro, prestígio. Mas no mundo cristão, significa agradar a Deus. Esta busca pela obediência pode levar você a fazer coisas completamente contrárias ao que o mundo quer e recompensa.

Obedecer aos mandamentos de Deus significa ler e entender as Escrituras e, então, decidir viver exatamente como as Escrituras nos ensinam. Não creio que alguém possa fazer isto sozinho, porque é quase impossível não ser apanhado todos os dias no caminho do mundo. Mas você pode fazer um esforço para viver biblicamente, com Jesus. É assim que o processo de santificação funciona – aprender como obedecer a Deus, como ouvir os Seus mandamentos em sua vida. É ler as Escrituras e permitir que a Palavra de Deus penetre em você. É entender as exigências dos mandamentos de Deus e então, gradualmente, dia a dia, em situações grandes e pequenas, permitir que este entendimento controle as ações em sua vida.

Se eu tivesse que escolher o que mais tem causado fracasso em obedecer a Deus, eu diria que é considerar que o tempo de Deus é o tempo de nosso estudo bíblico, o nosso período de oração, a reunião com o nosso grupo de oração, o culto na igreja. Isto simplesmente não é verdade. O tempo de Deus é a soma de todos os momentos de nossa vida. O estudo bíblico e a igreja simplesmente nos preparam para o restante dos momentos de nossa vida. Nós não o colocamos e o tiramos como se fosse uma peça de roupa… Se o “usássemos” o dia todo, descobriríamos que a obediência se torna uma reação de reflexo.

*****************************************************************************************************************************************
-> Autor: (Extraído e adaptado da obra “The Quest for Obedience”, de Charles Colson).
-> Música: Felipe Valente e Rafaela Pinho, “Espinhos”.
-> Narração: Amilton Menezes

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook