WebRadio

Central de Mídia

Mudando-se para o novo


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1480 – 19 de janeiro de 2018

“Se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas!” (II Coríntios 5:17).

Li uma história interessante que ilustra o fato de “ser nova criatura”. É sobre um casal que não sabia ler e se tornou cristão. Eles assistiam às reuniões da igreja e perceberam que os homens formavam um grupo que usava uniforme. Quando saíam para realizar algum projeto, usavam colete vermelho. A mulher então confeccionou um colete para o esposo, mas percebeu pelo semblante dele, quando voltou da igreja, que ele não estava muito contente. É que em todos os coletes havia uma mensagem bordada, menos no dele.

Sem se deixar intimidar pelo fato de não saber ler, a mulher copiou o anúncio que estava na janela da loja em frente, na rua em que moravam, e bordou-o no colete. Depois da reunião seguinte na igreja, ele voltou para casa radiante. Contou que todos haviam gostado do que estava escrito, porque descrevia apropriadamente a mudança pela qual ele e a esposa tinham passado. O que a mulher havia bordado no colete? Isto: “Sob nova direção”.

Como é bom ter esperança! Esperança de um novo começo, de tentar de novo, de começar nova história. O verso bíblico de hoje é repetido pelos oradores em apelos no fim de semanas de oração, em batismos, ou em reuniões evangelísticas, para descrever a mudança que ocorre na vida das pessoas.

A expressão “em Cristo” é a favorita de Paulo para se referir à união do cristão com Cristo, e o texto de hoje é, sem dúvida, o que melhor descreve essa união.

O novo a que Paulo se refere nesse verso não é cosmético. Você pode mudar o penteado, a roupa, o visual. Pode fazer plástica e se maquiar; tratar a pele para reduzir rugas; perder ou ganhar uns quilinhos, mas a transformação da qual Paulo fala é de dentro para fora; mudança interior completa.

“Se alguém está em Cristo, é nova criação”. A velha ordem se foi, uma nova ordem começou. Não há coexistência da velha ordem com a nova. O novo domínio é de Cristo. Velhos valores desaparecem e novos valores surgem. Novas atitudes e novas ações. “As coisas que antes detestavam, agora amam; as coisas que antes amavam, agora aborrecem. O orgulhoso e arrogante torna-se manso e dócil. O vaidoso e altivo torna-se humilde e modesto. O alcoólatra deixa a bebida; o viciado tornar-se puro” (EGW, Caminho a Cristo, P. 58).


-> Música: Viviane, “Nova canção”
-> Locução: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:

-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).

-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube.Com/AmiltonMenezes7

-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande um recadinho pedindo os áudios.


 

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook