WebRadio

Central de Mídia

Jesus, exegeta de Deus


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR – 11 de novembro de 2012

Ninguém jamais viu a Deus, mas o Deus Unigênito, que está junto do Pai, O tornou conhecido. João 1:18

Ao descrever de que maneira Jesus, o Filho, revela Deus, o Pai, João utiliza um verbo interessante. Traduzido por “O tornou conhecido”, o verbo é exegeomai, que significa “mostrar”, “explicar”, “revelar”, “interpretar”. Dessa palavra se originaram os termos “exegese” (interpretação da Bíblia) e “exegeta” (intérprete da Bíblia).

O Filho, afirma o amado João, é o Exegeta de Deus. Ele interpreta Deus para nós, não apenas ao mostrar o significado dos escritos sagrados, revelados através do Espírito Santo, mas revelando Deus em Si mesmo. Quem vê Jesus, vê Deus; quem conhece Jesus, conhece Deus.

O próprio Jesus afirmou isso. Diante do pedido de Filipe: “Senhor, mostra-nos o Pai, e isso nos basta”, Jesus respondeu: “Você não Me conhece, Filipe, mesmo depois de Eu ter passado com vocês tanto tempo? Quem Me vê, vê ao Pai” (Jo 14:9).

Em outra ocasião, Ele disse aos discípulos: “Ninguém conhece o Filho a não ser o Pai, e ninguém conhece o Pai a não ser o Filho e aqueles a quem o Filho quiser revelar” (Mt 11:27).

Você quer conhecer quem Deus realmente é? Existe apenas um Intérprete capaz de fazer a verdadeira descrição: Jesus, o Exegeta de Deus. As pessoas podem dizer isto ou aquilo, apresentar longos argumentos e lógicas complexas; mas esqueça tudo isso e busque apenas Jesus. Permita-Lhe revelar o Pai a você.

Há milhares de exegetas da Bíblia, milhões de exegetas de Deus. Quase todo mundo acredita em Deus ou “deus”; todos O interpretam à sua maneira.

Mas apenas uma interpretação é válida: a do Filho, o Exegeta de Deus. Leia o que Ele nos fala a respeito de Deus nos quatro Evangelhos. Melhor ainda, estude e medite em Sua vida – e morte. Ali encontramos a revelação de Deus.

Que Deus! Um Deus bondoso e amoroso, que está ao nosso lado, que nunca nos decepciona, cheio de graça e verdade.

********************************************************************************************************************

-> Texto: William G. Johnsson, do devocional 2012 “Jesus a preciosa graça”, da Casa Publicadora Brasileira.  http://www.cpb.com.br
-> Música: Trios NT, “Não há amor maior”
-> Narração: Amilton Menezes

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook