WebRadio

Central de Mídia

A paz é um dom


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1512 – 20 de fevereiro de 2018

“Deixo-vos a paz, a Minha paz vos dou” (João 14:27).

Lorenzo Dow passou por um período de introspecção. Ele queria ter um relacionamento íntimo com Deus. Queria ser cheio do Espírito Santo. Finalmente, Deus o inspirou: “Creia na bênção, agora.” Isto é, “creia que você a recebeu”. Isto foi um marco na vida de Lorenzo. Ele disse: “Uma paz serena inundou minha alma”.

Antes, Lorenzo frequentemente alternava êxtase com melancolia. Com frequência, ficava desanimado. Mas agora, Lorenzo começou a experimentar o que ele chamou de “uma paz simples, doce e fluente, dia após dia, de modo que a prosperidade ou a adversidade não produziam altos e baixos como antes; mas a minha alma é semelhante ao oceano, enquanto o fundo permanece calmo.” Lorenzo Dow foi cheio do Espírito. E ele foi cheio com a qualidade da paz. Ele tornou-se um poderoso homem de Deus.

A paz não é um atributo conseguido por meio do nosso esforço. Não é um estado mental conseguido mediante um estado de meditação. A paz é um dom oferecido por Deus. Nós a recebemos pela fé. Quando abrimos nosso coração para o Espírito, o Espírito traz-nos paz.

As Escrituras chamam o Espírito Santo de Consolador. O Antigo Testamento usa a palavra paracleto. Significa “aquele que permanece ao lado”. Ele é aquele que nos sustenta, nos apoia, nos anima, nos incentiva e nos dá paz. A paz é um estado de serena confiança. É o resultado de confiar, de saber que alguém muito maior do que nós está no controle. Paz é o contrário de preocupação.

A preocupação projeta o pior cenário possível na tela da nossa mente. A paz confia que Deus vai operar para realizar o Seu bem em cada situação. O apóstolo Paulo declara: “Porque Ele é a nossa paz” (Ef 2:14). Jesus é o “Príncipe da Paz”. Isa. 9:6. Recebendo-O, recebemos paz. E quando estamos em paz com Deus, não podemos ser infelizes (Testemunhos Para a Igreja, vol. 5, pág. 488).

O antigo hino diz isto muito bem: “Paz, paz, doce paz / Que descende lá do Senhor! / De Cristo sempre o conforto me traz / A doce calma do amor.” Ainda hoje, abra o seu coração para receber a Pomba da Paz celestial. Aceite o Seu dom da paz. Ele é seu; é só pedir.


-> Música: Melissa Barcelos, “Autor da paz”
-> Locução: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:

-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).

-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube.Com/AmiltonMenezes7

-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9893 2056 e mande um recadinho pedindo os áudios.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook