WebRadio

Central de Mídia - WebRádio Maranatha

A promessa


Gostou? Compartilhe!

TEMPO DE REFLETIR 1375 – 6 de outubro de 2017

“De ti farei uma grande nação… Em ti serão benditas todas as famílias da Terra” (Gênesis 12:2 e 3).

Como você encara sua missão como cristão? “Às vezes você não gostaria que sua vida significasse mais para Deus… que você pudesse exercer um impacto maior para o bem na vida dos que o rodeiam?… Quantas vidas você toca a cada dia? Faça uma lista mental. O número pode surpreendê-lo. Seu cônjuge, seus pais, os filhos, o chefe, o professor. Não se esqueça dos vizinhos, das pessoas no escritório, do carteiro, do caixa. Escolha um nome e uma forma pela qual Deus poderia usá-lo para tocar essa vida com um sorriso, uma palavra bondosa, um gesto atencioso. Depois permita que Deus o use hoje… para o bem” (Daily Walk, leitura devocional para o dia 17 de janeiro de 1995).

Você tem consciência de que os eventos no Jardim do Éden, há tanto tempo, afetaram a sua vida? Deus prometeu que a “Semente” de Adão e Eva venceria o pecado e Satanás, e salvaria o mundo (Gn 3:15). Dois mil anos mais tarde, Deus reafirmou Sua promessa e disse a Abraão que Ele a cumpriria através de sua “semente” (Gn 15:5). Deus expandiu a promessa, dizendo a Abraão: “De ti farei uma grande nação… Em ti serão benditas todas as famílias da Terra” (Gn 12:2 e 3). Depois, renovou a promessa ao filho de Abraão, Isaque, e ao seu neto Jacó (Gn 28:13-15).

Pense na expectativa que deve ter havido durante os 2.000 anos de Adão até Jacó. As pessoas devem ter perguntado: Por que Deus não cumpre Sua promessa? Quando Jacó desceu para o Egito a pedido de José, as pessoas devem ter questionado a exatidão da promessa de Deus de que os descendentes de Abraão se tornariam uma “grande nação”, já que na época todas as famílias reunidas de Israel chegavam a tão-somente 70 pessoas (Gn 46:27). Mas a “grande nação” começou a tomar forma no Egito. Quatrocentos anos depois, Israel se havia tornado grande em número (Êx 12:37).

Cerca de 1.500 anos mais tarde, a promessa feita a Abraão passou a ser o foco. Jesus, descendente direto de Abraão, foi vitorioso sobre Satanás através de Sua morte e ressurreição. Sendo que alguns descendentes literais de Abraão rejeitaram a Jesus, os cristãos são “descendentes de Abraão e herdeiros segundo a promessa” (Gl 3:29). A missão de Deus para você e para mim, como cristãos, é: “Em ti serão benditas todas as famílias da Terra”.


-> Música: Sonete, “Vou testemunhar”
-> Locução: Amilton Menezes


Saiba como receber as mensagens diárias do Tempo de Refletir:

-> No celular, instale o aplicativo MANAH (Android e iOS).

-> Para ver/ouvir no YouTube, inscreva-se neste Canal: YouTube/AmiltonMenezes7

-> Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande um recadinho pedindo os áudios.

Gostou? Compartilhe!

Comentários Via Facebook